terça-feira, março 22, 2005

Medo de quê?

Não sou o típico sócio que nunca está satisfeito com o seu emblema de eleição e pede sempre mais, mas há coisas que não percebo no reino do leão. Apesar de termos vencido o desafio de ontem e de estar bastante satisfeito com esse feito, José Peseiro revelou uma falta de coragem assustadora por não ter delineado uma estratégia mais ofensiva quando jogávamos em superioridade numérica e por não ter encutido nos seus jogadores uma maior ambição. E assim se perdeu uma excelente oportunidade (e talvez única nos últimos anos) para golear os actuais campeões do mundo. Claro que dominámos o encontro (mesmo contra 11), trocando bastante a bola, mas nunca de forma objectiva e à procura de mais golos como se impunha. Assim, e como já foi dito, o FC Porto mantém vantagem na Superliga em caso de igualdade com os leões.
Entretanto, e após o jogo, prestei especial atenção às conferências de imprensa dos respectivos treinadores e não é que ouvi disparates de ambos? Do lado de José Couceiro, penso já estar tudo dito, mas Peseiro conseguiu surpreender-me mais uma vez. E o comentário que me fez dar um berro de desespero foi a desculpa encontrada para não se ter goleado os portistas. "Fizemos cinco jogos em 15 dias, por isso os meus jogadores estavam um pouquinho cansados...", afirmou o técnico leonino, disparando imediatemente uma questão na minha cabeça, "então como será se formos à Liga dos Campeões...?". Admito que após um ano (ingenuamente) ainda não percebo muito bem o meu treinador e se de facto é a pessoa certa para o lugar, mas no desafio em questão, Peseiro devia ter arriscado mais e ter assumido que de facto mesmo contra 9 jogámos "a medo".
Finalmente, os meus parabéns para o "onze" leonino que apesar de tudo conquistou os três pontos que era o mais importante, e uma nota de destaque para Moutinho que provou ser uma enorme esperança para o futuro próximo, e para os nove jogadores do FC Porto (em especial Jorge Costa) que mesmo em desvantagem numérica lutaram bastante.

4 Comments:

At 3/22/2005 02:23:00 da tarde, Blogger Distribuidor de Fruta said...

Seja bem vindo... outra vez.
Espero que não fiques mais um mês sem escrever.

 
At 3/22/2005 02:39:00 da tarde, Blogger meia distância said...

Com o discurso de peseiro (e da maioria dos adeptos sportinguistas), de que o scp é a equipa que joga o futebol mais bonito de Portugal, arriscamo-nos a ver o aparecimento de um novo troféu: a taça patinagem artística para a equipa com melhor nota artística. Ganharam 2-0 ao fcp sem jogarem nada. Por seu lado, o fcp devia ganhar o prémio honestidade: não joga nada, mas ao menos perde.
O couceiro veio estragar o bom trabalho do fernandez (esse desonesto, que sem jogar nada comandava a superliga). Quanto ao meu Benfica, a jogar da maneira que se vê, consegue ser regular (e comandar a mesma liga), mesmo após as escandalosas arbitragens na ulz contra o porto e em alvalade contra o sporting. Não concordam? Vão à bancadavip.blogspot.com e vejam quem é que está a ser levado ao colo! Se o Benfica não for campeão será pelos erros grosseiros nestes dois jogos (e em mais alguns).

 
At 3/22/2005 03:04:00 da tarde, Blogger O Menino Afogado no Rio said...

Parecer que este mês de paragem te fez bem :):) Viva o Sporting

 
At 3/22/2005 05:58:00 da tarde, Blogger Dourador de apitos said...

Grande leão desdentado!!
Que bem faz uma vitória sobre um rival directo...

 

Enviar um comentário

<< Home